Juventude camponesa do Tocantins se reúne para trocar experiências e enfrentar desafios

noticias do pe do morro-02

A Comissão Pastoral da Terra (CPT) realizou, entre os dias 18 e 19, o I Encontro da Juventude Camponesa, em Araguaína (TO). Jovens entre 12 e 28 anos, de oito comunidades rurais, entre acampamentos, assentamentos e ocupação, trocaram experiências sobre a realidade em que vivem e o desafio da permanência na terra.

Na quinta-feira (17), o dia foi de acolhida de todos os participantes, que chegavam de diferentes munícipios da região Norte do Tocantins. Ainda tímidos e calados, os jovens foram levados para a chácara da CPT, local escolhido para o evento. À noite, com todos reunidos, eles se apresentaram e começaram a interagir entre si.

Pintando os sonhos: jovens usam a criatividade para expor seus sonhos e desejos para uma comunidade solidária e igualitária

Pintando os sonhos: jovens usam a criatividade para expor seus sonhos e desejos para uma comunidade solidária e igualitária

As atividades iniciaram na manhã de sexta-feira (19), após uma mística de abertura dos trabalhos. Convidado para assessorar o dia de oficinas, o professor da rede estadual, Dório Macedo, realizou uma dinâmica com o intuito de rememorar a identidade de cada jovem. Na sequência, meninos e meninas se dividiram em grupos e desenharam como é a comunidade onde vivem: destacaram os problemas, as diversões e o que gostariam de melhorar.

De forma unânime, seja em acampamento, ocupação ou assentamento, os jovens pontuaram a falta de políticas públicas que capacitem e permitam que os mais novos tenham a possibilidade de sobreviver do trabalho no campo. Outros problemas apontados, por exemplo, foram a ausência de energia elétrica, de boas estradas e uma educação de qualidade dentro das próprias comunidades.

Para tornar as atividades mais leves, foram realizadas rodas de conversa com a participação dos agentes da CPT, Pedro Ribeiro e Silvano Rezende, da professora da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Renata Rauta Petarly, e da representante da Pastoral da Juventude Rural (PJR), Viviane Barros.

Jovens se reúnem para foto durante a noite cultural na chácara da CPT

Jovens se reúnem para foto durante a noite cultural na chácara da CPT

E dessa forma o encontro foi sendo construído – seja por meio de dinâmicas em grupo ou troca de ideias -, com a finalidade de despertar nos jovens a sensibilidade para os problemas que eles enfrentam onde moram e o que eles mesmos podem fazer para modificar o cenário atual.

Comunicação

Durante os dias de encontro, os jovens foram convidados a criar uma equipe de comunicação. Oito participantes se disponibilizaram a compor este grupo, que ficaria responsável por registrar os dias de encontro, sob o olhar particular de cada um.

O formato escolhido foi por meio de um vídeo. À disposição deles, estava apenas uma câmera para filmar. Após uma reunião, a equipe se dividiu em quatro duplas, entre repórteres, cinegrafistas e fotógrafos, e entrevistou os colegas que participaram do evento. Para dar um toque especial, um pequeno pedaço de galho foi utilizado como microfone em todas as entrevistas.

As fotos que ilustram este texto foram tiradas pelos próprios jovens. O vídeo acima, produzido de forma espontânea e bastante divertida, é o resultado da curiosidade e disposição que eles tiveram para vivenciar uma nova experiência. Esse momento de “brincar” de jornalismo proporcionou à garotada uma maior interação entre eles, e permitiu que alguns deles pudessem ter contato com um jeito de se comunicar que ainda não haviam tido contato.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s