MJD Brasil participa da Assembleia das Fraternidades Leigas

por Mariana Bongiorno

Nos dias 25, 26 e 27 de Setembro aconteceu em São Paulo (SP), na Associação Vicentina de Vila Mascote, o Encontro das Fraternidades Leigas Dominicanas do Brasil.
Participaram do encontro leigos e leigas de Minas Gerais (Juiz de Fora, Araxá, Belo Horizonte, Uberaba e Governador Valadares), Goiás (Goiânia), São Paulo (Amaparo, Limeira e São Paulo) e Bahia (Salvador), onde está localizada a fraternidade leiga mais antiga do Brasil. Também marcaram presença as irmãs dominicanas de Monteils, Santa Catarina de Sena, Santíssimo Sacramento, frades de São Paulo e frei Mané, de Uberaba. O MJD Brasil​ também marcou sua presença, representado pela integrante Mariana Bongiorno, de São Paulo.

12011334_915117155234033_4252479569228651808_nO encontro contou com momentos de formação dominicana, assessorado por Frei Mariano Foralosso, momentos de partilha de experiências das fraternidades e também muita festa e alegria na noite do dia 26.Foi um contato muito importante do MJD com as fraternidades leigas e com os diversos ramos da Família Dominicana.

12037975_915117381900677_1269872910927981136_n

Oxalá este contato se fortaleça a cada dia para melhor vivenciarmos o carisma dominicano, especialmente em tempos de celebrar o Jubileu.

Agradecemos a coordenação das Fraternidades Leigas pelo convite feito ao MJD e parabenizamos o belo trabalho que realizam.
Anúncios

Encontro Regional Norte

Convidamos as/os jovens e assessoras/es para participar do 2º Encontro Regional de jovens dominicanos da região norte do Brasil, que acontecerá nos dias 31 de outubro e 1º de novembro de 2015, no Colégio Sagrado Coração de Jesus, em Porto Nacional – TO.

Neste ano o tema do Encontro Regional é ‘’A fé que vivemos: chamados à pregação’’, e tem o objetivo de provocar os participantes a refletirem, rezarem, e partilharem sobre a nossa identidade e missão enquanto jovens pregadores cristãos e dominicanos. Por meio de atividades formativas, momentos para oração e discussão, o Encontro abrangerá temas como ‘’Fé’’, ‘’Vocação’’, ‘’Dominicanismo’’, ‘’Pregação’’ e ‘’Realidades Juvenis’’.

web_ERNorte2015-02

As atividades dos Encontros Regionais do Movimento Juvenil Dominicano do Brasil (MJD-BR) também fazem parte da nossa preparação para o Jubileu de 800 anos da Ordem dos Pregadores, que será celebrado em 2016 com o tema ‘’Enviados para pregar o Evangelho’’.

Inscrições

Para se inscrever, basta preencher o formulário CLIQUE AQUI .
Será cobrada uma taxa de inscrição de R$20,00 para arcar exclusivamente com os gastos de alimentação e materiais (essa atividade não visa lucro). As inscrições serão confirmadas com o pagamento, que poderá ser entregue à Ir. Luana na recepção do CSCJ ou depositado na conta seguinte, seguida de comprovante no e-mail eng.luciana.castro@hotmail.com:

Banco do Brasil
Agência: 5743-6
Conta Corrente: 25360-x
Luciana de Castro Nascimento
*As inscrições estarão abertas até o dia 23/10*

Informações gerais:

2º Encontro Regional de jovens dominicanos da região Norte
Tema: ‘’A fé que vivemos: chamados à pregação’’
Data: 31 de outubro e 1º de novembro
Local: Colégio Sagrado Coração de Jesus – R. Joaquim Pereira, s/n – Setor Central – Porto Nacional – TO
Taxa de inscrição: R$20,00
Data limite para inscrição: 23/10
Mais informações: com Giovanna (Dijó), no e-mail: giovannadijo16@gmail.com

Ficamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida e contamos com as orações de vocês.

Um abraço em São Domingos.

Carta Final – 26º Encontro da Comissão Dominicana de Justiça e Paz e 5º Seminário de Justiça e Paz do Cone Sul

“Eu sempre sonho que uma coisa gera, nunca nada está morto. O que não parece vivo, aduba. O que parece estático, espera.” [Adélia Prado]

Sob o céu de Brasília e o traço do arquiteto, chegamos de dez diferentes países para o 5o Seminário de Justiça e Paz do Cone Sul e o 26o Encontro de Justiça e Paz da Família Dominicana do Brasil. Éramos 100 participantes e com nossas malas, simbolizamos a prerrogativa de ir e vir, o afeto e o amor que nos comprometem com a justiça e a paz que fundamentam a possibilidade dos encontros. Espírito pregador, peregrino, evangélico, apostólico. Há barreiras, contudo, que continuam separando pessoas: morremos contra 65 muros ao redor do mundo e em tantas cercas que nos impedem de viver e de amar. Somos refugiados em busca de terra, apátridas reivindicando direitos. Fugindo do inferno das guerras, das fomes e do desespero, morremos na travessia. Proibidos de andar somos impedidos de habitar e de viver. Somos a humanidade inteira.
Com Pablo Romo, nosso irmão do México, fizemos memória emocionada de irmãos e irmãs que lutaram contra os muros e as cercas ao longo dos 800 anos da Família Dominicana. Formamos o álbum de nossa família e recordamos seus textos, pretextos, contextos. Por eles e elas, somos convocados à solidariedade. Homens e mulheres – frades, irmãs, leigos e leigas que, desde Domingos, seguem lutando pelos direitos humanos, pela justiça e pela paz. Movidos pela misericórdia, pela audácia e por uma radical sensibilidade com as dores do povo; e inspirados pela verdade evangélica que torna possível ver Deus nos pobres, eles e elas nos convocam à coragem de ressignificar nossas práticas, alterar as ferramentas hermenêuticas e mudar o lugar teológico desde onde falamos e agimos. Nutridos nas utopias, marcados pela lucidez, pela mística enraizada e por uma metodologia da compaixão que promove a horizontalidade das relações humanas, somos desafiados a construir também hoje aquele outro mundo possível que nossos precursores já iniciaram.
Com Thomaz Jensen, do Brasil, refletimos sobre a realidade de nossos países, compreendendo as macro-decisões e as estratégias político-econômicas que fundam nossos horizontes particulares. Identificamos os principais desafios de nossos países, quais são os nossos inimigos (os internos e os externos) e como estamos atuando nessas realidades. A concentração da terra, o agronegócio, a exploração e a destruição ambiental, o tráfico de pessoas, o trabalho escravo, as migrações, o narcotráfico, a violência e a crise da democracia e dos sistemas de garantias de direitos humanos, são alguns de nossos principais problemas político-sociais, diante dos quais identificamos o desafio de potencializar a nossa articulação enquanto família dominicana. Diante de tantos desafios, reconhecemos no Papa Francisco um organizador de esperanças que, por suas práticas, vem servindo de inspiração e de entusiasmo. Com ele, podemos vislumbrar sinais de esperança ao redor do mundo em inúmeras alternativas de ação em defesa da vida.
10593059_885958608161952_1052112980341161849_n
A partir da memória e do desafio em torno da luta pelos direitos humanos nos nossos países (Chile, Argentina, Paraguai, Uruguai e Brasil) e envolvidos nos temas da educação, da terra, da migração, da mulher e das relações de gênero, convocamos toda a família dominicana para participar e fortalecer os processos de luta de nossos povos, articulados na Rede Eclesial Pan-Amazônica, nos movimentos populares, nas entidades não governamentais, em redes de intercâmbio e troca de informações e experiências, em projetos de formação e educação, no apoio e divulgação da Agenda LatinoAmericana Mundial.
Seguimos viagem de mãos dadas. Sendo muitos, venceremos aqueles muros. Envolvemo-nos nas atividades dos 800 anos da Família Dominicana e sugerimos à equipe organizadora a inserção de temáticas emergentes e maior participação dos leigos, leigas e irmãs e convocamos a todos/as para fazer deste um momento de renovação de nosso compromisso com a justiça, a paz e os direitos humanos.

Brasília, 03 a 06 de setembro de 2015.

Família Dominicana do Cone Sul

Retiro de integrantes

da redação do blog

Do dia 31/10 a 02/11 (sábado a segundo, sendo que segunda é feriado nacional) vamos realizar o Retiro de Integrantes 2015. O exercício da oração pessoal e comunitária é essencial para o conhecimento de si e de Deus. É também um dos pilares da nossa prática de pregação. Por isso convidamos todos postulantes e integrantes a estarem presentes conosco.

O retiro será na cidade de Cotia (SP), próximo da capital.

O custo para hospedagem e alimentação é de R$ 160,00. Também vai ser necessário fazer o rateio do transporte.

A organização do retiro fará condições especiais de pagamento.

Se você tem interesse em participar, CLIQUE AQUI e preencha o formulário. Em breve vamos entrar em contato com você.

teste 2